Um blog sobre o mercado imobiliário de Chapecó

Onde especialistas dão dicas para comprar, vender e alugar com inteligência

Conheça 6 tipos de fechaduras para sua casa

Conheça 6 tipos de fechaduras para sua casa

Segurança é fundamental em todos os lugares e a fechadura é parte da estrutura usada para manter sua casa, escritório ou loja bem fechados e protegidos. 

Além dessa função primordial, elas também tem um fator estético, principalmente da fachada, já que ficarão visíveis para todos os que chegarem. 

Hoje, há diversas opções de fechaduras disponíveis no mercado, para todo o gosto e tipo, mas, você sabe qual é a melhor para a sua casa?

Dê uma olhadinha nos modelos que listamos abaixo e preste atenção nas nossas dicas para não errar na hora da escolha. 

Tipos de fechadura 

Travamento 

Ela não é bem uma fechadura, mas funciona como uma tranca auxiliar. O objetivo é impedir a abertura da porta através de arrombamento, por exemplo, garantindo mais segurança para a sua casa. 

O segredo é que ela não pode ser acionada pelo lado de fora, apenas pelo lado de dentro da residência. É feita de metal sólido, ao contrário das demais que possuem um sistema de molas. A tetra chave é um dos modelos mais conhecidos deste tipo de fechadura. 

Pode ser usada simples, em portas de madeira maciça ou metal; ou ainda com travamento duplo para portas de correr e portas de vidro, evitando que elas se quebrem se alguém forçá-las. 

Encaixe

Muito comuns em filmes, essas trancas funcionam com um mecanismo que envolve chave e maçaneta. Na porta, há apenas uma pequena abertura por onde passa uma espécie de chave, composta por duas barras de metal.

Para fechar a porta, pelo lado de dentro, basta apenas empurrar a porta até o final. Já para abrir, pelo lado de fora, é necessário introduzir a chave e mover a maçaneta, liberando a abertura. 

É indicada para portas internas em cômodos que precisam estar sempre bem guardados e também para portas externas. 

Entrada 

São duas maçanetas que permitem que a porta possa ser trancada tanto do lado de fora quanto do lado de dentro. Algumas delas possuem um botão no lugar do encaixe da chave, facilitando a abertura da porta de quem está dentro. 

Neste caso, a chave só precisa ser utilizada para trancar a porta na hora de sair ou abrir na hora de entrar. São aparentemente mais simples, mas funcionam muito bem para portas internas.

Eletrônica

Aqui a mágica é da tecnologia. Só é possível abrir a porta por meio de biometria, cartão magnético ou senha, dependendo do modelo de fechadura eletrônica que você adquirir. 

É muito utilizada em bancos e em locais que precisam de segurança reforçada. Mas, nos últimos anos, têm caído no gosto popular, principalmente de quem quer ter uma casa mais hi-tech. 

Funcionam muito bem nas portas de entrada, mas é necessário proteger o dispositivo de abertura das intempéries do tempo (sol e chuva), evitando que ele estrague. Importante também não esquecer a senha. 

Elétrica

Muito comum e amplamente utilizada em casas e prédios, especialmente nos portões, esta fechadura é acionada a partir de um botão, muitas vezes, remotamente. 

Funciona muito bem em todo o tipo de portas. Outra utilização muito comum deste tipo de sistema é na porta da garagem. 

Tranca de segurança

Também conhecida como pega ladrão, esse modelo de fechadura oferece o menor nível de segurança de todos os apresentados aqui. 

Por isso mesmo, ele deve ser usado na porta de entrada apenas como auxiliar ou em portas internas sem grande necessidade de segurança, como banheiro ou quarto. 

Ela nunca deve ser usada sozinha, mas funciona muito bem na hora de abrir a porta para desconhecidos, por exemplo, proporcionando uma abertura mínima e segura para verificar quem está do outro lado.

Lembre-se sempre 

O sucesso da fechadura da sua casa depende, claro, de estar sempre bem fechada. Ao sair de casa, revise se portas e portões estão bem fechados, evitando a oportunidade de algo ruim acontecer na sua residência. 

Não esqueça também de tomar cuidados com as cópias de chaves e, no caso da fechadura eletrônica, com o compartilhamento da senha da porta de entrada. Sempre que houver perda, não hesite em trocar a fechadura para evitar problemas maiores. 

É um custo pequeno, se comparado ao que pode acontecer caso pessoas mal intencionadas tenham acesso à sua casa. 

No mais, sempre ouça a opinião de profissionais na hora de definir a fechadura, levando em conta a porta a ser utilizada e seu gosto pessoal. 

Quer receber mais dicas como essas? Então, assine a nossa newsletter e receba todas as novidades em primeira mão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *